Apresentação
Organização
Datas Importantes
Normas de Trabalho
Modelo de Apresentação
Datas das Apresentações
Inscrições
Gerar Boleto
Minha Página
Programação
Excursão Técnica
Local do Evento
Dicas de Hospedagem
Alojamentos
Sobre Teresina
Contato
Boa tarde! Quarta-feira, 30 de julho de 2014
Buscar


TERESINA, A CIDADE SURPRESA

Teresina é grande, não somente em suas dimensões físicas. É grande no seu jeito caloroso de receber os que aqui chegam e se surpreendem com uma cidade planejada, limpa, de vias largas e povo hospitaleiro; encontram aqui muito mais do que esperavam. Com seu jeito faceiro e acolhedor, Teresina sabe como deixar plantada no visitante a sementinha de saudade. E se saudade tem cor, ela é verde como Teresina. Ao sobrevoá-la, o escritor Coelho Neto rebatizou-a com o nome de Cidade Verde. Há também quem a chame de Mesopotâmia do Nordeste, por estar situada entre dois rios: o Poti e o Parnaíba. Rios que se encontram na zona norte da cidade e seguem, unidos, para o mar.

Teresina é uma cidade de muitas cores e sabores. Da pimenta de cheiro à cajuína, passando pela paçoca, baião-de-dois, sarapatel, Teresina tem um gostinho de conversa boa em mesa de bar, de noites cheias de música, de cadeira na calçada. Nas praças, à sombra dos caneleiros, oitizeiros e ipês, pode-se jogar conversa fora, livre da tirania do relógio. Cidade tranquila, "a tez morena", Teresina é um convite a ficar. Eis o mapa da cidade que se entrega, sem reservas, a quem vem em paz. Siga-os e se surpreenda. Volte sempre.

Artesanato e cultura
O artesanato piauiense é rico em peças confeccionadas de fibras, couro, buriti, cerâmica e madeira. Reconhecido internacionalmente, principalmente pela arte santeira, o artesanato é um ponto forte em Teresina. Você pode conhecer de perto o artesanato piauiense na Central de Artesanato Mestre Dezinho, com vinte e cinco lojas bem equipadas e no Polo Cerâmico do Poti Velho, com peças que vão de objetos de decoração a joias, tudo produzido com argila extraída do rio Poti.

Cidade de negócios / saúde / educação
Teresina é uma cidade muito conhecida pelo turismo de negócios. Pela excelência dos serviços que oferece, tornou-se referencia nos setores de saúde e educação. Sua localização geográfica favorece a vinda de pessoas de estados vizinhos, do Norte e Nordeste do país, para estudar ou usufruir dos serviços médicos. Na economia, um setor de grande força é a moda, com indústrias têxteis e de confecções. A cidade é reconhecida como um grande centro de compras.

Gastronomia
Teresina tem muitos sabores: da cachaça de caju como aperitivo ao sorvete de bacuri. Pimenta de cheiro e coentro no tempero; cuscuz de milho ou de arroz, beiju de tapioca, carne de sol; galinha caipira; capote com arroz; ensopado de carneiro; baião-de-dois; maria-isabel, tudo preparado com o tempero do carinho de quem faz. Para sobremesa, doce de buriti, de caju, de leite, de goiaba, de casca de limão, musse de maracujá, de bacuri, de manga, etc. São tantas as opções, que haja paladar...

Noite
A noite em Teresina não envelhece. São dezenas de barzinhos, pubs e restaurantes para todos os gostos. Casas de show, boates e bares com gente bonita, alegre e música ao vivo. Tem um pouco de tudo: forró, sertanejo, pop, rock, reggae e mpb.


CONHEÇA TERESINA

Teresina possui várias peculiaridades. É primeira capital planejada do Brasil. E a única que faz fronteira com outro Estado. É a única capital do Nordeste que não fica no litoral, mas, como diria um dos nossos poetas, "O mar de Teresina/ fica no céu da boca das meninas". É uma cidade de contrastes: fósseis de 250 milhões de anos dividem espaço com largas avenidas e edifícios de arquitetura moderna. É cheia de praças, parques, logradouros e, principalmente, de gente acolhedora, de sorriso fácil, de abraço quente. Cores, sabores, odores e, para rimar, amores.

A cidade está pronta para ser desvendada. Em cada canto, uma surpresa. Neste folheto você vai saber um pouquinho do que a cidade tem para oferecer. Mas só um pouquinho mesmo. Para conhecer mais, misture-se a essa gente de tez morena e sorriso fácil.
Confira esse roteiro:

PRAÇA DA BANDEIRA- Na Praça Marechal Deodoro da Fonseca, popularmente conhecida como Praça da Bandeira, localizada no centro da cidade, encontramos o Marco Zero de Teresina, que é a Igreja do Amparo. Ao seu redor, outros pontos marcantes da cidade: o Museu do Piauí, a Casa da Cidadania, o prédio da Prefeitura, o Mercado Central e o Troca-troca. Na Praça da Bandeira, que fica o Teatro de Arena, um pequeno anfiteatro, palco de festivais de músicas e dos mais variados tipos de manifestações populares e artísticas, onde o público assiste a tudo sob a sombra de árvores seculares.

PRAÇA PEDRO II - A Praça Pedro II, situada entre o Teatro 4 de Setembro / Clube dos Diários e a Central de Artesanato Mestre Dezinho, forma um verdadeiro Complexo Cultural no centro da cidade. A praça passou por uma restauração, quando recebeu de volta suas características arquitetônicas originais, como as formas do inicio do século XX O mesmo aconteceu com a Praça Zacarias Góes, mais conhecida como Praça do Liceu. É na Praça Pedro II onde, diariamente, adeptos de diferentes movimentos culturais, do Hip-Hop ao Chorinho, encontram-se para a alegria de quem passa por lá.

TEATRO 4 DE SETEMBRO - Localizado na Praça Pedro II, o Teatro 4 de Setembro, há mais de 100 anos, recebe em seu palco atrações nacionais e internacionais, entre elas peças teatrais, espetáculos de dança e shows musicais. Sua fachada é inspirada na arquitetura portuguesa com detalhes greco-romanos. O Teatro 4 de Setembro é interligado ao Clube dos Diários, outro espaço que recebe as mais diversas manifestações culturais. Teresina possui, ainda, outras casas de espetáculos, como o Teatro Municipal João Paulo II, no bairro Dirceu Arcoverde, e o Teatro do Boi, no bairro Matadouro e o Palácio da Música na famosa Rua da Pactuba, cantada por Torquato Neto.

CASA DA CULTURA DE TERESINA - Casarão do século XIX, antiga residência do Barão de Gurgueia - político influente, Comendador da Ordem da Rosa e Coronel da Guarda Nacional - é hoje um espaço que congrega museu, pinacoteca, galeria de arte, espaços para artes cênicas, dança , visuais e música. Além de abrigar a Companhia de Dança Balé da Cidade A Casa da Cultura de Teresina funciona diariamente com exposições de arte e fotografia, mostras de cinema e oficinas de artes plásticas.

MUSEUS DO PIAUÍ - Antiga residência do Comendador Manoel Jacob Almendra, já foi também sede do Governo Estadual. Em 1980, foi restaurado para tornar-se o Museu do Piauí. São 15 salas abertas para permanente visitação e um acervo de cerca de duas mil peças que contam muito da história do Piauí. Destaque para a coleção de objetos que contam a história da imprensa no Piauí, coleção de moedas, fósseis, peças indígenas e móveis coloniais. O Museu do Piauí fica em frente a Praça da Bandeira.

CENTRAL DE ARTESANATO MESTRE DEZINHO - Em frente à Praça Pedro II, a Central de Artesanato Mestre Dezinho integra o complexo cultural do centro da cidade. O local, que já foi sede da Policia Militar durante os tempos da ditadura, hoje abriga vinte e cinco lojas de produtos artesanais confeccionados a base de fibras, couro e talos de buriti. Possui auditório para eventos, palco para shows, lanchonete, escola de balé e escola de música. Seu nome é uma homenagem a um dos mais importantes artesãos do Piauí, Mestre Dezinho de Valença, que faleceu em fevereiro de 2000.

PARQUES - A Natureza foi generosa com Teresina: é fácil encontrar lugares propícios para apreciar de perto a beleza que ela oferece. São vários parques ambientais por toda a cidade. O Balneário Curva São Paulo foi construído às margens do rio Poti, com uma estrutura de 46 bares, banheiros, espaço para shows e equipes de salva-vidas. No Parque Ambiental Floresta Fóssil, que ficas às margens do Rio Poti, é possível encontrar vários exemplares de troncos de árvores fossilizados com cerca de 250 milhões de anos. O Parque Municipal do Encontro dos Rios é uma área de preservação ambiental localizada na zona norte da cidade, onde os rios Parnaíba e Poti se encontram. Nas manhãs de domingo, há sempre atrações artísticas para gente de todas as idades. Com estrutura para exposições, boxes de venda de artesanato e restaurante flutuante, é um passeio perfeito para toda a família. De lá, pode-se contemplar o pôr-do-sol, como se ele acontecesse logo ali, do outro lado do rio.

ZOOBOTANICO - Na reserva ecológica e zoológica de Teresina, encontram-se espécies da fauna local, como saguis (espécie de pequenos macacos) e iguanas; cobras e aves , bem como espécies exóticas:leões, tigres, ursos e até um hipopótamo. O parque conta com estrutura completa de bares e banheiros, espaço para armar redes e fazer piqueniques, trilhas e um lago onde fica a ilha dos macacos. Excelente opção de lazer para toda a família.

IGREJAS - A Igreja de Nossa Senhora do Amparo, Marco Zero da cidade, fica no centro, em frente à Praça Marechal Deodoro da Fonseca, a Praça da Bandeira. Também no centro, na Praça Saraiva, fica localizada a Igreja de Nossa Senhora das Dores, fundada em 1867. No inicio da Avenida Frei Serafim, na Praça da Liberdade, encontramos a Igreja São Benedito, cujas portas esculpidas em madeira de lei, são tombadas pelo Patrimônio Histórico. No bairro Vermelha, encontra-se a Igreja de Nossa Senhora de Lourdes, com o melhor conjunto de peça de mestre Dezinho.

TROCA-TROCA - O Troca-Troca é uma feira onde se comercializa de tudo, de eletrodomésticos a bicicletas e discos de vinil, no Troco-troca pode-se encontrar coisas que nem se imagina. Fica às margens do Rio Parnaíba, divisa do Piauí com o Maranhão. O Troca-Troca nasceu sob a sombra de uma figueira, com o tempo e o crescimento dos negócios, os feirantes se organizaram e conseguiram junto ao Governo do Estado uma estrutura melhor. A construção foi feita de forma que a figueira fosse preservada. A feira do Troca-Troca existe há mais de trinta anos.

SHOPPING DA CIDADE - Com a revitalização do centro de Teresina, foi criado o Shopping da Cidade, estrutura que agrega 1.956 boxes do que antes era o comercio de rua. O espaço conta com estrutura de banheiros, praça de alimentação e estação de metrô. Muito bem localizado, o Shopping da Cidade fica entre a Av. Maranhão, próximo ao Troca-Troca, Praça da Bandeira e Mercado Velho e a parada final dos ônibus no centro.

PARQUE AMBIENTAL ENCONTRO DOS RIOS - É um dos pontos turísticos mais visitados de Teresina. Localizado na zona norte da cidade, é lá onde os rios Poti e Parnaíba, que banham a cidade, se encontram. No local foi construída uma estrutura com espaço para pequenas exposições, quiosques para comercialização de produtos artesanais e o monumento à lenda do Cabeça-de-Cuida. No Parque Ambiental Encontro dos Rios é possível saborear deliciosos peixes e outros pratos da culinária local, no restaurante Flutuante. Aberto diariamente, é uma excelente opção de lazer.

POLO CERÂMICO - Peça forte do artesanato de Teresina, a cerâmica ganhou ainda mais destaque depois da criação do Polo Cerâmico. Onde antes havia apenas uma vila de pescadores e olarias produtoras de tijolos e modestos potes, agora existem 23 boxes para comercialização das peças que são produzidas ali mesmo. Mandalas, jarros, esculturas, aparelhos de jantar e até joias feitas a partir da cerâmica e vendidas para todo o Brasil e vários países do exterior. O Polo Cerâmico fica na zona norte, próximo ao Parque Ambiental Encontro dos Rios.

PALÁCIO DA CIDADE - Um dos prédios mais antigos de Teresina, foi construído entre os anos de 1920 e 1924, foi sede da Escola Normal. Hoje, da Prefeitura, o prédio abriga algumas Superintendências de Desenvolvimento Urbano, além de espaço para exposições permanentes de artes plásticas. Sua fachada conserva o estilo neoclássico dos anos 20. O prédio é tombado pelo Patrimônio Histórico Estadual.